A partir do 20 de Março do 2020 e pelo Decreto 297/20 todo o pais ingreso num período de

isolamento social, preventivo e obrigatório.

¿Qué significa?

Você não pode sair da casa ou alojamento na cidade apenas para se fornecer dos artigos

essenciais como alimentos, artigos de limpeza e medicamentos.

Se você não cumpre as normas, comete um delito.


No caso de ter viajado para um pais onde o virus circula ou tiveste contato com

pessoa doente, você deve ficar por 14 dias isolado.

Se você tambem tiver algum dos sintomas, ligue gratis à 107.


Para mais informações, por favor envie um e-mail para turismo@buenosaires.gob.ar

Teatro Nacional Cervantes

Foi declarado Monumento Histórico Nacional e constitui uma das joias da arquitetura da Cidade.

Você também o encontrará em:

O Teatro Nacional Cervantes, localizado na esquina da Av. Córdoba com a Rua Libertad foi declarado Monumento Histórico Nacional e constitui uma das joias da arquitetura da Cidade de Buenos Aires.
A inauguração do Cervantes, em 5 de setembro de 1921, constituiu um verdadeiro acontecimento cultural e social para a Buenos Aires dos princípios do século. Foi também uma cristalização do sonho da atriz espanhola María Guerrero e seu esposo Fernando Díaz de Mendoza, os quais empenharam sua fortuna pessoal para concretizar o projeto. O próprio Rei da Espanha Rei Alfonso XIII esteve envolvido na construção, porque María Guerrero conseguiu o compromisso de que o teatro fosse uma obra de toda a Espanha. O rei ordenou que os navios de carga espanhóis de seu governo que chegassem a Buenos Aires transportassem os elementos artísticos indispensáveis para o Cervantes. Várias cidades espanholas trabalharam para o suntuoso teatro, de Valencia chegaram azulejos e damascos; de Tarragona, as “losetas” vermelhas para o piso; de Sevilha, as poltronas do pátio, “barguenhos”, espelhos, bancos, grades, ferragens, azulejos; de Lucena, lâmpadas; lampiões de Barcelona, a pintura a fresco para o teto do teatro, de Madrid, os cortinados, tapetes e o telão, uma verdadeira obra de tapeçaria que representava o escudo de armas da Cidade de Buenos Aires bordado de seda e ouro.

Inauguração e venda

O design e a execução da obra foi obra dos arquitetos Fernando Aranda e Emilio Repetto, os quais fizeram um acordo com María Guerrero para que a fachada do edifício reproduzisse os detalhes da Universidade de Alcalá de Henares, de estilo renascentista. Para a construção e ornamentação do Cervantes trabalharam cerca de setecentas pessoas, entre operários e artistas. O teatro foi formalmente inaugurado em 5 de setembro de 1921 com a peça La dama boba de Lope de Vega, interpretada por María Guerrero. Passados cinco anos de sua inauguração e devido aos altos custos de manutenção que derivou em um forte endividamento, o casal Guerrero - Díaz de Mendoza decidiu leiloar o edifício em leilão público. A oportuna mobilização de personalidades da arte e da cultura evitou o leilão e foi adquirido pelo Estado. Em 1933 foi disposto por lei a criação do Teatro Nacional de la Comedia e foi destinado para seu funcionamento o Teatro Cervantes, sob a autoridade da Comissão Nacional de Cultura criada pela mesma lei.

Incêndio e reconstrução

Em 1961 um incêndio destruiu grande parte das instalações do Cervantes e as obras de reconstrução demandaram sete anos de trabalho. Como consequência do incêndio foi feito um anexo, design do arquiteto modernista Mario Roberto Alvarez. O Teatro reabriu suas portas em 1968 e em 1995 foi declarado Monumento Histórico Nacional. Atualmente, também funcionam no Cervantes o Instituto Nacional de Estudos Teatrais, o museu do Teatro Cervantes, um arquivo teatral e uma biblioteca especializada no setor.

A visita dos Los Guerreros

O Teatro Nacional Cervantes convida a percorrer as instalações do antigo edifício com uma proposta original: A visita dos Los Guerrero. Nesta visita guiada por atores que interpretam a María Guerrero, seu esposo Fernando Díaz de Mendoza e seus dois filhos contam a história da construção do teatro e sua inauguração. Os visitantes podem percorrer as salas María Guerrero e Orestes Caviglia, o foyer, o salão dourado que leva o nome da Atriz de Luisa Vehil, os camarins e os espaços onde são guardadas as cenografias e o vestuário.

 

CORDOBA AV. 1155

4816 4224

prensa@teatrocervantes.gov.ar

www.teatrocervantes.gov.ar

Complejo Cultural 25 de Mayo

É um verdadeiro polo cultural que encerra uma história única...

Luna Park

É um dos principais centros de boxe argentino.

Metropolitan Citi

É um dos teatros tradicionais da Avenida Corrientes.

Multiteatro

Esta sala nasceu como cine em 1914 e em 1922 foi consagrada ao gênero teatral...

Teatro Avenida

Foi inaugurado em 1908 e foi tradicional sede de companhias espanholas.

Teatro Coliseo

Este tradicional e antigo teatro argentino, com capacidade para 1.700 pessoas, se encontra no bairro de Retiro em frente a Praça Libertad.

Teatro Colón

É considerado como um dos teatros líricos mais importantes do mundo.

Teatro de la Ribera

é um espaço multidisciplinar pertencente ao Complexo Teatral de Buenos Aires...

Teatro del Globo

Se apresentam shows musicais de todos os gêneros.

Teatro General San Martín

É um dos mais reconhecidos e forma parte do Complexo Teatral da cidade.

Teatro Gran Rex

Com design de Alberto Prebisch, o arquiteto responsável pela contrução do Obelisco.

Teatro Lola Membrives

É um dos teatros tradicionais da Avenida Corrientes.