¿Qué requisitos de ingreso debés cumplir para poder visitarnos?

¿Cómo está funcionando la ciudad y cuáles son las actividades disponibles a partir de las medidas vigentes?

¿Qué hacer y dónde acudir si tenés síntomas o sos contacto estrecho?



Parque Centenario

No centro do parque há um lago habitado por patos e peixes.

Você também o encontrará em:

Como acontece com muitos dos principais espaços verdes da cidade, o paisagista Carlos Thays foi o encarregado de desenhar o Parque Centenário, batizado assim em 1909, para comemorar os cem anos da Revolução de Maio. O terreno, localizado no centro geográfico da Cidade de Buenos Aires, pertenceu inicialmente à família Lezica, proprietária também das terras do atual Parque Rivadavia.

Em 1898, a Municipalidade de Buenos Aires comprou o parque para construir um passeio que inicialmente se chamaria Parque del Oeste ou Parque Central. Finalmente decidiram pelo nome atual. No centro do parque há um lago com patos e peixes e um anfiteatro, reconstruído em 2009, pelo Governo da Cidade onde acontecem espetáculos no verão. O parque possui uma fonte, jogos recreativos, murais populares e várias esculturas, entre elas a “Victoria alada” do italiano Eduardo Rubino, “Madame Curie”, de Santiago Parodi e “La Aurora”, do francês Emilio Peinot. Ao redor do parque estão o Museu Argentino de Ciências Naturais Bernardino Rivadavia e o observatório da Associação Amigos da Astronomia.

Durante a semana funciona, na calçada externa, uma feira de livros e revistas usadas que é muito visitada pelos moradores dos bairros próximos.

Percorra pelos bairros emblemáticos da cidade.

 

 

FRANKLIN y PATRICIAS ARGENTINAS AV.