A partir do 20 de Março do 2020 e pelo Decreto 297/20 todo o pais ingreso num período de

isolamento social, preventivo e obrigatório.

¿Qué significa?

Você não pode sair da casa ou alojamento na cidade apenas para se fornecer dos artigos

essenciais como alimentos, artigos de limpeza e medicamentos.

Se você não cumpre as normas, comete um delito.


No caso de ter viajado para um pais onde o virus circula ou tiveste contato com

pessoa doente, você deve ficar por 14 dias isolado.

Se você tambem tiver algum dos sintomas, ligue gratis à 107.


Para mais informações, por favor envie um e-mail para turismo@buenosaires.gob.ar

9 atrativos que você encontra na Av. 9 de Julio
A avenida que conecta a cidade de ponta a ponta tem muitas atrações para oferecer.

Além de ser conhecida como a Avenida mais larga do mundo, a 9 de Julio, data da independência argentina, também conta com diferentes atrativos ao longo de sua via. Claro que, vamos passar pelos óbvios para os menos conhecidos. Por isso, confira abaixo as 9 atrações desta larga via portenha.

1. O emblemático Obelisco

O local mais simbólico e fotografado de Buenos Aires é o Obelisco. Marcado por estar no coração dessa avenida, também é o ponto de encontro dos portenhos para comemorarem vitórias esportivas e se reunirem para manifestações sociais. Conta com 67,5 metros de altura, cuja construção foi concluída em um tempo recorde de 31 dias.

2. O belíssimo Teatro lírico Colón

Um pouco mais ao norte do Obelisco encontramos a parte de trás do terceiro teatro lírico mais importante do mundo, o Colón. Palco de diversos artistas mundialmente consagrados, esta jóia vale uma visita em seu interior. Com o salão dourado e características arquitetônicas do ecletismo, percorrer os corredores onde diversos famosos e artistas passaram, vale a pena.  

3. O chalé escondido

Talvez você precise atravessar a rua para enxergá-lo, mas ao olhar para cima, você perceberá que há uma casa em cima de um prédio de 9 andares em plena avenida. Trata-se de um capricho de um comerciante chamado Rafael Díaz, que queria uma casa igual a uma que viu em Mar del Plata, para simplesmente tirar a sesta durante a semana. Temos que entender, ele vivia muito longe na época.  

4. A clássica Embaixada da França

Na ponta norte se encontra o Palácio Ortiz Basualdo, embaixada francesa desde 1939. A partir da Av. 9 de Julio é possível ver a parte lateral que ainda é impressionante. Na década de 1970, este imponente edifício estava ameaçado porque queriam expandir a via. Porém, graças à recusa da França em vender a propriedade, isso não ocorreu e ele permanece sólido e lindo.

5. O Monumento Grulla

O monumento Grulla, na interseção com a Rua Marcelo T. de Alvear representa a ave grou japonesa. Feito pelo escultor argentino-japonês Julio Eduardo Goya, também é uma homenagem a esta comunidade na Argentina. Esta escultura, datada de 1998, já mudou de lugar, por causa da construção do corredor de ônibus que atravessa a via.

6. Evita discursa todos os dias

Ao olhar para o sentido sul da avenida, você provavelmente irá perceber uma grande obra de Eva Duarte Perón discursando. Trata-se do único arranha-céu da via e sede do Ministério de Obras Públicas, declarado Monumento Histórico Nacional em 2002. Desde 2011, em ambos os lados norte e sul, leva duas obras de Evita, feitas de aço. Neste lado, em particular, é um retrato de um discurso dado neste mesmo prédio.  

7. Um pouco das Cataratas de Iguaçu em Buenos Aires

Não teve tempo de ir às Cataratas do Iguaçu? Sem problemas, em Buenos Aires você pode ter o gostinho de uma dessas maravilhas do mundo em plena Avenida 9 de Julio! Localizada na interseção da Av. de Mayo, conta com 280 metros de extensão. Também foi inaugurada para dar a sensação de estar no meio das quedas, você não pode deixar de visitá-la.

8. Don Quixote de La Mancha vive rodeado por carros

Do outro lado da rua, o famoso clássico de Miguel de Cervantes está imortalizado nesta avenida. O fidalgo Don Quixote de La Mancha, feito por Aurelio Teneo tem todo um simbolismo por trás de sua obra. Também foi um presente do governo espanhol pelo quarto centenário da fundação de Buenos Aires.

9. A fonte desaparecida encontrou o seu lugar

Esta peculiar fonte que também se encontra na interseção com a Av. de Mayo tem uma história misteriosa. Buenos Aires contava com uma magnífica fonte que ficava atrás da Casa Rosada. Porém, em 1920 ela foi desmontada e suas partes foram colocadas em diferentes lugares da cidade. A parte superior dessa então fonte se encontra, hoje, nessa grandiosa avenida.

Claro que as atrações não param por aí. Há muito mais para ver nesta imensa avenida que corta a cidade. Não perca a chance de andar por ela e conhecer cada canto e curiosidade que esconde. Conheça também os bairros emblemáticos da cidade.